Quinta-feira, 6 de Novembro de 2008

Deep Blue

 

 

Tanto espaço,

tanto tempo,

desditosa luz,

efémero movimento

de ondas, que vêm

que vão, lascivas,

rebentam, alvas

em turbilhão,

...o despertar do teu rosto

que se afunda

numa maresia que exalta

um limiar de oceano

profundo de azul,

que me trás à memória

a falta,

momentos passados

felizes, sequências de beijos

que se estendiam salgados

em fins de tarde

com ventos de sul...

 

 

 

Olivia Ong: How Insensitive

tags: , ,
publicado por Sara Rocha às 15:18
link do post | favorito
Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 


.mais sobre mim

.pesquisar

 

.posts recentes

. TIC-TAC

. SAUDADE

. Pêndulo

. IPSE DIXIT

. PÉRFIDA

. Ana

. SIBILA

. HERESIA

. ESTRIDÊNCIAS

. ZÉNITE

.arquivos

. Julho 2013

. Maio 2012

. Abril 2012

. Janeiro 2012

. Novembro 2011

. Junho 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Setembro 2010

. Julho 2010

. Maio 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

.tags

. todas as tags

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds